AMPLIE SUAS FRONTEIRAS DE SOLIDARIEDADE

O Banco Preventório é uma associação comunitária(ONG) que trabalha com o desenvolvimento local nas favelas, especialmente com ações de microcrédito e moedas sociais.

QUEM SOMOS

O Banco Comunitário é um associação comunitária que tem como objetivo promover o desenvolvimento local do morro do Preventório, financiando o comércio, serviços, pequenos negócios da favela e incentivando o consumo em moeda social digital. Além disso, atuamos com projetos de educação, tecnologia e cultura na região, que possui cerca de 30 mil moradores nas favelas, segundo o IBGE. Também fazemos parte de uma rede de mais de 100 bancos comunitários.

O morro do Preventório está localizado na cidade de Niterói, Rio de Janeiro. Lá vivem segundo dados da associação de moradores 12 mil pessoas.

Nosso objetivo como banco comunitário é promover o desenvolvimento de territórios de baixa renda, através do fomento à criação de redes locais de produção e consumo

________________________________________

HISTÓRICO

O Banco Comunitário do Preventório, gerido pela Associação Preventório Solidário, iniciou sua organização em 2010, quando um grupo de moradores teve contato com a equipe da Incubadora de Empreendimentos Econômicos Solidários da Universidade Federal Fluminense (IEES – UFF) e da Ampla (atualmente Enel) e, juntos, decidiram estabelecer uma proposta de Banco na comunidade que posteriormente seria apresentada aos principais atores sociais do Preventório, sendo aceita.

Dessa forma o Banco foi fundado no primeiro semestre de 2011 como uma iniciativa comunitária, na sua maioria composta por mulheres, independente e endógena, baseada nos princípios da autogestão, criada e gerida por integrantes da própria comunidade.

Sua principal região de atuação é a comunidade do Preventório, localizada em Niterói, área considerada de risco socioambiental onde vivem 5.750 pessoas, segundo censo do IBGE. Porém nossas atividades também impactam uma região maior que abrange 23.588 habitantes dos bairros vizinhos de São Francisco e Jurujuba, temos relação direta com as lideranças e empreendimentos sociais comunitários desses bairros. Além da sua atuação local, o Banco participa ativamente da Rede Brasileira de Bancos Comunitários.

O seu objetivo principal é fomentar processos de desenvolvimento local nas comunidades. Os Bancos Comunitários de Desenvolvimento atuam em territórios socioeconomicamente vulneráveis, com objetivo de dinamizar as economias locais e fortalecer a organização comunitária a partir da oferta de serviços financeiros, como crédito, além de serviços bancários e assessoria aos empreendimentos, entre outras ações.

São serviços do Banco pagamentos e recebimentos, inclusive de benefícios sociais como o Bolsa Família, abertura de contas e outros, por meio do convênio com a Caixa Econômica Federal, buscando a inclusão financeira da comunidade.  O Banco possui um fundo social para microcrédito que opera em duas modalidades: a Moeda Social Digital Prevê (e-dinheiro)  e a moeda oficial do Brasil (reais). As moedas sociais têm como finalidade incentivar a economia dentro da comunidade e é voltada para os moradores e há financiamento em reais de microcrédito produtivo para os empreendimentos comunitários. O Banco ainda apoia e participa de redes e cadeias produtivas da economia solidária, sendo atualmente, apoiadas iniciativas comunitárias de agroecologia, artesanato, cultura e cooperativismo de materiais recicláveis.

PRÊMIO ENAP DE AÇÕES COMUNITÁRIAS

Banco Preventório é reconhecido pelas ações de pandemia e irá fazer nanocrédito nas favelas. Saiba mais no vídeo.

PROJETOS

PARCEIROS